terça-feira, 30 de junho de 2009




Era uma vez...

Uma industria de calçados aqui no Brasil que desenvolveu um projeto de exportação de sapatos para a Índia.

Em seguida, mandou dois de seus consultores a pontos diferentes do país para fazer as primeiras observações do potencial daquele futuro mercado.
Após alguns dias de pesquisas, um dos consultores enviou o seguinte fax para a direção da industria: "Senhores, cancelem o projeto de exportação de sapatos para a Índia.
Aqui ninguém usa sapatos." Sem saber desse fax, alguns dias depois o segundo consultor mandou o seu: "Senhores, tripliquem o projeto da exportação de sapatos para a Índia.
Aqui ninguém usa sapatos ainda."
A mesma situação era um tremendo obstáculo para um dos consultores e uma fantástica oportunidade para outro. Da mesma forma, tudo na vida pode ser visto com enfoques e maneiras diferentes.
A sabedoria popular traduz essa situação com a seguinte frase: "Os tristes acham que o vento geme; os alegres e cheios de espirito afirmam que ele canta." O mundo é como um espelho que devolve a cada pessoa o reflexo de seus próprios pensamentos.
A maneira como você encara a vida... faz toda a diferença!


retirado de:www.inclusao.com.br/projeto_textos_13.htm
Reflita


Olhe para sua experiência de vida. O que você tem feito para ser uma pessoa mais alegre, serena e segura? O que você tem feito para superar sua impaciência, ansiedade, irritabilidade?
Seja sincero!
Aliás, honestidade consigo mesmo é muito necessário. Quanto tempo você tem
gasto para viver a vida como uma grande e apaixonante aventura?
Para alguns, a vida se tornou um mercado de rotina, uma fonte de tédio.
Acordam, andam, trabalham, do mesmo jeito.
Milhões de pessoas acordam cansadas, não aquietam sua mente, se tornaram máquinas de trabalhar. São vítimas do sistema social, não param de pensar, não viajam para dentro de si mesmas.
Que você aprenda a ser um grande sábio! Um sábio que cuida carinhosamente da sua vida como um garimpeiro que descobriu a mais bela pedra preciosa depois de passar a vida toda removendo rochas e cascalhos.
Ser sábio não quer dizer ser perfeito, não falhar, não chorar e nem ter momentos de fragilidade. Ser sábio é aprender a usar cada dor como uma
oportunidade para aprender lições, cada erro como uma ocasião para corrigir rotas, cada fracasso como uma chance para ter mais coragem. Nas vitórias, os sábios são amantes da alegria; nas derrotas, são amigos da reflexão.
Pense Nisso!

Por: Jesika Oliveira com a contribuição do livro: 12 semana para mudar uma vida – Augusto Cury

segunda-feira, 29 de junho de 2009

Acredite em Você


Acredite em você

Coloquemos a seguinte situação:
Você se arruma impecavelmente para uma festa, sai de casa se sentindo muito bem, bonito(a). Chega na festa muito confiante e avista aquele seu amigo(a), ou, colega e vai até ele, ao se cumprimentarem surge do outro um comentário, você está tão bem, pena que a cor da roupa não fica bem em você!.
Pronto basta este comentário para que toda a beleza antes vista diante do espelho se transforme em areia levada pelo vento.
Ééééé... devemos realmente rever nossos conceitos.
Você prefere acreditar no outro, que pode apenas estar se sentindo incomodado com sua beleza, ou acreditar no que você viu e sentiu diante do espelho?
Repense sobre isso.
Às vezes nos tornamos aquilo que outros querem que nos tornemos, e esquecemos quem realmente somos. Acreditar em você deve ser sempre mais importante. Se estiver confiante no que vai fazer, mesmo que o resultado possa não ser como pretende, faça. Não desista de obter resultados porque alguém determinou que não serias capaz de obter um resultado positivo. Por mais que neste momento pessoas estejam falando de você bem ou mal, seu comportamento não mudou por causa disso, certo?. A única pessoa capaz de modificar ou transformar algo em você ou na sua vida é você mesmo.
Acredite em você. Busque motivação, crie estímulos.



Por: Jesika Oliveira jesikapsicanalise@gmail.com

(Chico Xavier)

Mais ou Menos

A gente pode morar
numa casa mais ou menos,
numa rua mais ou menos,
numa cidade mais ou menos
e até ter um governo mais ou menos.
A gente pode dormir
numa cama mais ou menos,
comer um feijão mais ou menos,
ter um transporte mais ou menos
e até ser obrigado a acreditar
mais ou menos no futuro.
A gente pode olhar em volta e sentir
que tudo está mais ou menos,
tudo bem!
Mas o que a gente não pode mesmo,
nunca, de jeito nenhum:
É amar mais ou menos,
é sonhar mais ou menos,
é ser amigo mais ou menos,
é namorar mais ou menos,
é ter fé mais ou menos,
é acreditar mais ou menos.
Senão a gente corre o risco de se tornar
uma pessoa mais ou menos.
Chico Xavier

Modificar para melhorar

Crie consciência de que existe uma possibilidade muito grande de se frustrar tomando as dores do seu melhor amigo(a), tomando as dores de seus familiares, etc. O que você acha certo, é seu, pertence somente a você, dificilmente conseguirá ajudar alguém se estiver envolvido na situação em que a pessoa se encontra.
Cada um é responsável pelo que vivencia na vida, você é responsável por tudo o que lhe acontece.
Se hoje alguém lhe ofendeu, o responsável foi você, pois você se permitiu ficar ouvindo, se o seu carro quebrou no caminho para o trabalho, o responsável foi você , alguma decisão sua, dirigiu você para este resultado, acredite, você não pode mudar o mundo das outras pessoas mas, o seu você pode sim, deixe de ser a vítima dos acontecimentos, não responsabilize as outras pessoas pela sua felicidade. Motive-se.
Comece mudando seus pensamentos, consequentemente suas atitudes mudarão, acredite em mundo melhor, ouça musicas que te acalme, procure fazer exercícios físicos eles ajudam você a manter o vigor, a força e a energia, semei pelo seu caminho o Amor, a confiança, e todos os sentimentos que puder, mas preste atenção:
- Faça isso gratuitamente, não espere recompensa, não crie expectativas, achando que porque você ajudou alguém necessariamente ele irá retribuir.
Tudo o que está acontecendo a sua volta neste momento, é um reflexo do que está acontecendo ai dentro de você. Se tudo lá fora está uma confusão só, é porque ai dentro deve estar confuso também.
Procure melhorar, modificar é sempre possível.
Um profissional poderá orientá-lo(a).
Jesika Oliveira - jesikapsicanalise@gmail.com

Foto: www.lara_larinha.blogger.com.br/

Conflitos Emocionais

Todo ser humano tem problemas com seus conflitos emocionais. A dificuldade de lidar com emoções e sentimentos acabam por gerar dúvidas:
Será que este é o caminho certo? Para onde estou indo? O que fazer agora?. Essas e outras; são dúvidas comuns que permeiam nosso pensamento e na maioria das vezes sem resposta consciente.
Uma coisa é certa quando a mente sofre o corpo sofre também. Vejamos um exemplo:
Perceba como está o seu corpo nesse momento, sinta as sensações. Agora imagine alguma situação que lhe causou tristeza, ou mesmo raiva. Percebe que as sensações do corpo modificam? A tensão nos músculos é certa, logo em seguida se sente angustiado, etc.
Agora pare um pouco respire e lembre-se de uma ocasião que esteve muito feliz, sinta as sensações, o bem estar notoriamente invade o seu corpo acompanhado de um super relaxamento dos músculos e euforia.
Pois bem, essa é uma das demonstrações mais nítidas de que o nosso cérebro trata de enviar pro nosso corpo mensagens sobre aquilo que estamos vivendo (mesmo que não seja real), se você pensou o cérebro transmite. Se perguntas começam a surgir e você não obtém resposta, provavelmente começará a dizer NÃO CONSIGO me decidir, NÃO POSSO, porque não tenho certeza,etc. Esses pensamentos logo bloqueiam você de realmente obter respostas para suas perguntas.
Por esse motivo o acompanhamento de um profissional é necessário para que as dúvidas não se intensifiquem nos momentos de conflitos emocionais nem gerem ainda mais conflitos.

Por: Jesika Oliveira - jesikapsicanalise@gmail.com

sexta-feira, 26 de junho de 2009

Compreenda seus pensamentos e atitudes

Equilíbrio
Mente e corpo formam um sistema. Eles interagem e influenciam mutuamente um ao outro. Não é possível fazer uma mudança em um sem que o outro seja afetado.
Quando pensamos, “re-presentamos” a informação para nós mesmos, internamente e isso afeta de forma positiva ou negativa o nosso corpo.
Se estamos alegres ou tristes, desanimados ou entusiasmados, isso não caiu de pára-quedas, somos nós que estamos criando isso através de nossos pensamentos e crenças.
Conscientemente, escolher com cuidado que palavras usar pode parecer estranho no princípio. Essa es­tranheza é resultado de fazer algo diferente do que lhe é familiar. Fazendo uma analogia, lembre-se da primeira vez que você tentou escrever algo. Deve ter sido extremamente estranho e complicado no início. Eventual­mente, no entanto, foi se acostumando e, então, escrever tornou-se algo completa­mente natural para você.
Qualquer pessoa pode aprender qualquer coisa.
Todo comportamento tem uma intenção positiva, pense nisso.
O que você faz que funciona?
Isso alcança seus objetivos?
Que valores você tem que interferem com quem você é para onde está se dirigindo?
Que crenças te atrapalham?
Como a realização da meta vai afetar a sua vida? O que você vai ganhar? Perder?

Por: Jesika Oliveira
Se essa tarefa lhe for difícil, procure um profissional para orientá-lo.
jesikapsicanalise@gmail.com

A dificil tarefa de compreender as próprias emoções..


A dificil tarefa de compreender as próprias emoções..


O ser humano hoje vive numa insatisfação total. Hoje em dia as aparências são supervalorizadas, é preciso aprendermos uma compreensao profunda de nós mesmos, o objetivo é transformarmos os conflitos em equilíbrio emocional, afinal cada um de nós possui um modelo do mundo.
O tom de voz, os gestos, as frases que usamos, a expressão facial, o contato visual etc... são comunicações que determinam como somos percebidos pelas pessoas a quem nos dirigimos. Essa percepção é processada principalmente pela mente inconsciente.
Para encontrar o equilíbrio a visão que você tem de si mesmo é importantíssima, é essa visão que determina sua atitudes.
Vivemos num mundo da correria cotidiana, onde temos respostas e ações automáticas sem ao menos obtermos essa percepção, ou, quando obtemos simplesmente já passou a situação e não há mais como voltar ao inicio.
Pensamos vendo imagens internas, ouvindo sons ou falando internamente e tendo sensações.
É importante ficarmos atentos porque, de alguma maneira, “nós somos a mensagem!”
As emoções são como programas de atuação imediata que se foram criando ao longo da vida e formam parte do caráter de uma pessoa, naturalmente esses programas devem ser aperfeiçoados, em outras palavras e necessário que haja evolução.
Quando a pes­soa altera o seu comportamento modifica os resultados que está gerando no seu ambiente.
A partir do momento em que tomamos para a consciência a quase totalidade de nossa ações, vivemos momentos de clareza e experimentamos a harmonia e a paz.
Em casos de conflitos emocionais, procure um profissional que possa orientá-lo.
Por:Jesika Oliveira jesikapsicanalise@gmail.com

quinta-feira, 25 de junho de 2009

video

A persistência é uma idéia firme e constante de algo que se pretende fazer, mesmo na presença de incômodos ou dificuldades.
A persistência é uma virtude fundamental para o sucesso, pois fortalece a vontade e a atitude das pessoas. Ser persistente não é uma tarefa fácil — é normal encontrar obstáculos e querer desistir. A rotina, o desânimo e o medo das mudanças contribuem para agravar as dificuldades.
Dicas para Ser Mais Persistente
Aprender a concentrar-se, ou seja, focalizar a atenção em apenas uma coisa por vez. Quando queremos fazer muitas coisas ao mesmo tempo, prestamos menos atenção a cada uma em particular.
Criar objetivos de vida; para não esquecer-se dos resultados finais a serem atingidos.
Assumir a derrota como algo natural e passageiro, fazendo assim com que ela seja muito menos desanimadora.
Imaginar o seu objetivo cumprido e sentir a emoção da conquista como se ela já tivesse acontecido.
Nos momentos mais difíceis, procurar relaxar, respirar fundo e fazer outras atividades.
Vantagens da Persistência
A persistência é a qualidade que separa os profissionais ou estudantes de sucesso dos demais. Em tempos difíceis como o que hoje vivemos, você deve ser persistente, sempre se dedicando para fazer o máximo possível, porque o retorno será muito compensador.
Mesmo que um indivíduo seja considerado comum ou sem nenhum mérito aparente, se ele for uma pessoa persistente ele terá uma excepcional vantagem sobre os outros. A persistência é uma qualidade que não chama a atenção, mas que, no longo prazo, é o diferencial dos vitoriosos.
Fonte: http://simplus.com.br/persistencia/
"Fale de seus sentimentos"


Se não quiser adoecer - "Fale de seus sentimentos"Emoções e sentimentos que são escondidos, reprimidos, acabam em doenças como: gastrite, úlcera, dores lombares, dor na coluna.. Com o tempo a repressão dos sentimentos degenera até em câncer. Então vamos desabafar, confidenciar, partilhar nossa intimidade, nossos segredos, nossos pecados.O diálogo, a fala, a palavra, é um poderoso remédio e excelente terapia..Se não quiser adoecer - "Tome decisão"A pessoa indecisa permanece na dúvida, na ansiedade, na angústia. A indecisão acumula problemas, preocupações, agressões. A história humana é feita de decisões. Para decidir é preciso saber renunciar, saber perder vantagem e valores para ganhar outros. As pessoas indecisas são vítimas de doenças nervosas, gástricas e problemas de pele.Se não quiser adoecer - "Busque soluções"Pessoas negativas não enxergam soluções e aumentam os problemas.Preferem a lamentação, a murmuração, o pessimismo. Melhor é acender o fósforo que lamentar a escuridão. Pequena é a abelha, mas produz o que de mais doce existe. Somos o que pensamos. O pensamento negativo gera energia negativa que se transforma em doença.Se não quiser adoecer - "Não viva de aparências"Quem esconde a realidade finge, faz pose, quer sempre dar a impressão que está bem, quer mostrar-se perfeito, bonzinho etc., está acumulando toneladas de peso... uma estátua de bronze, mas com pés de barro.Nada pior para a saúde que viver de aparências e fachadas. São pessoas com muito verniz e pouca raiz. Seu destino é a farmácia, o hospital, a dor.Se não quiser adoecer - "Aceite-se"A rejeição de si próprio, a ausência de auto-estima, faz com que sejamos algozes de nós mesmos. Ser eu mesmo é o núcleo de uma vida saudável. Os que não se aceitam são invejosos, ciumentos, imitadores, competitivos, destruidores. Aceitar-se, aceitar ser aceito, aceitar as críticas, é sabedoria, bom senso e terapia. Se não quiser adoecer - "Confie"Quem não confia, não se comunica, não se abre, não se relaciona, não cria liames profundos, não sabe fazer amizades verdadeiras. Sem confiança, não há relacionamento. A desconfiança é falta de fé em si, nos outros e em Deus. Se não quiser adoecer - "Não viva SEMPRE triste!"O bom humor, a risada, o lazer, a alegria, recuperam a saúde e trazem vida longa. A pessoa alegre tem o dom de alegrar o ambiente em que vive."O bom humor nos salva das mãos do doutor". Alegria é saúde e terapia.




Dormir mal engorda



Comprovado por uma das revistas mais remomadas do momento, e engordar não é o único problema!
Um estudo realizado durante 13 anos, publicado na revista Sleep, comprova a relação entre obesidade e sono. Isso porque a produção de hipocretina, um neurotransmissor que nos deixa acordados, é disparada quando o sono é de má qualidade. O resultado é o desequilíbrio de duas das principais substâncias reguladoras do apetite: a grelina e a leptina. A disfunção desses dois hormônios, altera o metabolismo e o corpo necessita de mais glicose para manter o cérebro funcionando.
Isso leva a um ciclo vicioso porque quanto mais peso de gordura o corpo tiver, pior a qualidade do sono, isso porque a gordura na região da faringe causa uma pequena obstrução do ar, que interrompe o repouso por várias vezes, sem no entanto que percebamos. Ainda tem mais, durante o sono, é que nosso corpo se recupera do ataque do dia, e durante a noite diversos compostos responsáveis pela defesa do organismo são secretadas, se não dormimos bem esses hormônios não são de boa qualidade e não agem de forma eficaz, podendo até gerar tumores. Então devemos dormir pelo menos 7 horas por dia de forma seguida, isso ajuda a viver mais e melhor segundo a Universidade de Nagoya no Japão em estudo da faculdade de medicina.
Tente identificar de você gosta de ir cedo para cama e acordar cedo (matutino) ou se prefere acordar tarde (vespertino), e enquadre seu sono no seu ritmo mas adequado, não lute contra o seu corpo. Ainda existem aquele indivíduos que não se enquadram em nenhum dos dois modelos, mas que podem achar uma brecha entre eles. A e dormir 20 minutos depois do almoço facilita a digestão e pode trazer outros benefícios para o resto do dia!

Escrito por Vinícius Dobgenski em 07/02/2008 - 22:22:41


quarta-feira, 24 de junho de 2009

Apaixonados e cegos para a beleza



ATRAÇÃO

Apaixonados e cegos para a beleza
Rostos bonitos não têm poder sobre pessoas enamoradas

Se, no próximo encontro, a pessoa amada lhe disser que “só tem olhos para você”, isso pode ser mais verdade do que você pensa. Pesquisas mostram que aqueles que estão afetivamente comprometidos com seus companheiros tendem a desviar o olhar de homens e mulheres atraentes, mesmo sem que tenham consciência disso.
Em um estudo, o psicólogo Jon Maner, da Universidade Estadual da Flórida, mostrou a um grupo de voluntários rostos em uma tela de computador, por meio segundo e propôs que os identificassem as faces como femininas ou masculinas pressionando um botão. Pesquisas anteriores feitas com o mesmo método já haviam mostrado rostos atraentes do sexo oposto atraem a atenção por mais tempo. Maner, entretanto, trabalhou em seu estudo apenas com pessoas casadas ou envolvidas em um relacionamento monogâmico. Ele pediu para que metade escrevesse sobre sentimentos de amor por seus parceiros, enquanto a outra parte deveria escrever sobre uma experiência feliz. O pesquisador constatou que aqueles que escreveram sobre amor prestaram atenção em rostos atraentes por menos tempo do que em pessoas com aparência comum. Ele sugere que esse desvio inconsciente de atenção, provavelmente, tenha evoluido para manter homens e mulheres em relações monogâmicas, o que contribuiu para garantir vantagens reprodutivas.
Escrito por blogdamentecerebro, 25/03/2009 às 13h59 - http://blogdamentecerebro.blog.uol.com.br/arch2009-03-22_2009-03-28.html